Amazonino Mendes : o Negão chegou, pela reconstrução do Amazonas voto 12!

Amazonino vai valorizar o desempenho dos professores e fomentar os grandes eventos no interior do Estado, diz Rebecca Garcia

19 de setembro de 2018 - Manaus (AM)

A candidata a vice-governadora da coligação “Eu voto no Amazonas”, Rebecca Garcia (PP), reuniu com professores e técnicos da rede estadual de ensino, no bairro Cidade Nova (Zona Norte de Manaus), e também com operadores e lideranças da área de cultura, no clube Toscana. Aos professores, disse que o governador Amazonino Mendes (PDT), candidato à reeleição pela coligação ‘Eu Voto no Amazonas’, vai retomar a valorização do professor por seu desempenho e produtividade. “Nós vamos valorizar o professor por seu trabalho, sua atuação. Porque nós entendemos que quem ajuda a educação a crescer, merece recompensa. É assim na iniciativa privada. Assim será no nosso Governo”, disse.

Rebecca ressaltou na conversa com professores e técnicos, que não existe outro caminho de sucesso para os jovens que não seja o da educação. “Nós vamos trazer novas práticas, novas tecnologias, novas soluções, produtos, e serviços. E vocês, professores, que estão no dia a dia com os alunos, precisam ser nossos parceiros nesse projeto”. Ela destacou a importância da Escola de Tempo Integral, idealizada por Amazonino, que já foi reativada neste Governo, e as escolas técnicas que serão criadas para capacitar jovens que não conseguem entrar na universidade e no mercado de trabalho.

Muitos jovens do Amazonas, segundo Rebecca, estão ociosos. Por isso, o Estado tem a obrigação de oferecer uma alternativa de futuro e prepará-los para o mercado de trabalho. “Eles precisam ser preparados tecnicamente. Eles devem sair com o diploma do Curso Técnico e ter a garantia de um emprego. São escolas que deverão ser construídas em parceria com o mercado de trabalho. Voltadas para o futuro, para a indústria 4.0, que é a nossa realidade”, explicou, lembrando que “Com isso, diminuirá uma série de índices que hoje envergonham o nosso estado, a exemplo da segurança. Mas a insegurança é um resultado da falta de oportunidade”.

A candidata lembrou também que, historicamente, nunca os professores receberam um reajuste tão importante, referindo-se ao o pagamento da data-base dos servidores, que não era cumprida desde 2015. “Foi o maior reajuste da história do magistério: 27,02%”, disse, citando também a manutenção do plano de saúde e aumento do auxílio-alimentação de R$ 220 para R$ 420 aos profissionais que estão nas escolas e o auxílio-alimentação de R$ 220.

Fomento à cultura

Fomentar o desenvolvimento das principais festas da cultura popular no interior do Estado foi um dos compromissos de Rebecca Garcia no encontro com lideranças indígenas, agentes de cultura, representantes de cirandas, escolas de samba e artesãos de Manaus. A proposta é promover a cultura local, gerar renda e oportunidade de trabalho com essa iniciativa.

À comunidade da cultura, ela reforçou o apoio aos grandes eventos do interior do estado e assinou documento com propostas e reivindicações dos povos indígenas do Amazonas, entregue pelo líder indígena, Paulo Barreto Tukano.

Rebecca recebeu das mãos do líder indígena, Paulo Barreto Tukano, documento com demandas e propostas dos povos indígenas do Amazonas – 66 etnias – direcionadas ao governador Amazonino Mendes. O documento destaca o fortalecimento dos povos indígenas relacionado: à governança territorial, conservação e gestão ambiental, conservação e respeito dos conhecimentos tradicionais e visões do mundo, conceitos de bem viver por meio da implementação de plano de vida, apoio aos meios tradicionais de utilização dos seus territórios, conservação integrada da floresta e desenvolvimento sustentável, contribuindo assim com a economia local e garantindo geração de renda. A candidata assinou o documento e se comprometeu em atender a solicitação.